Afinal, o que é uma pita?

Afinal, o que é uma pita? 5.00/5 (100.00%) 1 vote




Já todos ouvimos falar de PITAS mas, afinal, o que é uma pita, verdadeiramente?
Eu decidi fazer uma pequena pesquisa e juntar informação para que essa pergunta possa ter uma resposta á altura:

A palavra “pita” tem origem no latim “pirralhas taradas” que, traduzido á letra significa “garota acriançada, estúpida, acéfala que tenta desesperadamente ser como as gajas famosas (sem conseguir) e que fica anormalmente excitada quando vê algum abdominal masculino”.

E pensam vocês: “Mas… Isso é a maior parte das raparigas que eu conheço…”. Pois, é verdade. Vivemos num mundo em que mais de metade das raparigas pertencem á espécie (mais conhecida por) pita (ou pItAh para que elas possam entender).

Pita é um conceito tão vasto e amplo (ao contrário da mente delas) hoje em dia que é muito dificil perceber o que uma pita é na realidade.
Encontrei uma descrição que, numa visão geral, pode responder á grande questão: O que é uma pita?
“uma adolescente com a mania de que já é uma mulher com muitos problemas quer de foro pessoal, quer de foro social, com uma personalidade não-própria que lhe foi embutida no seu inapto cérebro por elaboradas manobras de marketing e pela manipulação exercida pela sociedade que a rodeia.”

Factos que juntam vários tipos de pitas

  • São fãs da novela Morangos com Açúcar que utilizam como Bíblia
  • Gostam de tentar ler (isto porque a maioria n sabe ler) revistas especiais para pitas (Bravo, Blitz)
  • São fãs de pseudo-bandas/pseudo-cantores (D’ZRT, FF, 4Taste, Just Girls, Tokyo Hotel, etc..)
  • Tem uma linguagem própria para comunicar por meios electrónicos
  • São burras
  • Todas usam maquilhagem para disfarçarem a enorme quantidade de borbulhas e pontos negros que têm
  • A cor preferida delas é o rosa, apesar de muitas dizerem que é o preto para mostrarem a sua rebeldia.
  • Em vez de se rirem dizem LOL.(mesmo sem saber o significado)

Mas, antes de continuar, vamos esclarecer uma coisa:

Nenhuma rapariga nasce PITA.

Então quando é que se dá essa mudança que apenas cerca de 50% da raparigas consegue ultrpassar?

Não há uma idade chave que nos diga “esta gaja é pita”. Esta mudança ocorre na altura da adolescência, altura em que aparece o primeiro pintelho e elas ficam a achar que isso as torna raparigas mais maduras. Nesta faze da vida, a rapariga tranforma-se numa pita-temporária.

Até aqui, nada de especial… É uma fase pela qual todas as raparigas passam e que cerca de metade (a metado com independência mental) delas consegue ultrapassar e tranforma-se na normal rapariga.
Porém, em muitos casos, essa independência mental simplesmente não existe ou foi-lhes retirada devido á educação que teve.
As pitas-temporárias que seguem este caminho, depois desta fase, tornam-se em verdadeiras pitas que,(ao contrário das pessoas normais que têm como necessidades básicas comer, beber, dormir) tem como necessidade básica chamar a atenção. É so nisso que pessam e apenas nisso vão bazear toda a sua existência.

Regras de escrita de linguagem Pita

-Comunicação por sms e MSN

1. Metem pelo menos um X ou um H desnecessário em cada palavra só porque “fikaH giruH naX palavraX”.
2. U’s um vez de O’s “AmUh-te TiAgUh”.
3. W’s em vez de R ou L: “AdOwo-té mana, ex WindAh”.
4. Alternam consecutivamente entre letras maiúsculas e minúsculas: “oWa TaX bOa??????????????????”
5. Usam uma série de símbolos incompreensíveis para adornar os seus textos de forma a torná-los ilegíveis.

nicknames de MSN

Uma realidade curiosa é o facto de os seus nicks terem que mostrar que elas possuem uma vida amorosa, sentimental e “tipicamente adolescente” (no fim de contas, é nisso que a mente delas se baseia). Vejamos os exemplos:

1. Ex1: ‘$’#666 HuAnItAh =))) “AdOwO-vUx Mt MiGaX =))))) NaUm XeI o K fAxIaH xEm vOxEx =)))”
2. Ex2: ‘$’#69 LiLiAnAh (l)(F) “Adoro-te Tiago, adoro-te Francisco, Adoro-te Mana, Adoro-te Joana… adoro-te Marlene….” …a lista continua… “… adoro-te Ricky, amo-te TiAgUh =)))”
3. Ex3: mAwI@niTah_FufinhAh (Ontem à NOITE na dixCUtEkA FOih De maix! ) (Mesmo que tenha ido à discoteca à um mês. É só para dizer que lá foi.)

Depois temos os nicks das pitas pseudo-góticas. É comum o uso de cruzes ou quaisquer outros símbolos e, é claro, palavras como inferno, dor, trevas, vampira, evil suicide, morbid, etc. Observem:

1. Ex1: †.. Vampira Obscura do Inferno cheio de Sangue ..† “Amo-te muito mas quero morrer porque a vida é uma merda.”
2. Ex2: †.. Deusa da Morte sem Fim e da tortura miserável, cruel, infernal e flagelante ..† “Adoro-te muito mor, mas quero morrer.”

Em suma, as pitas não só possuem uma fraca capacidade mental como também não se sabem exprimir convenientemente.

Respostas normais das Pitas

É muito cómico contradizer uma pita. Ela responder-vos-á com frases que aprendeu nas novelas de moda só para que nós acreditemos que possuem sentimentos próprios e uma maneira de pensar muito própria.

  • Cada um diz o que sabe.
  • Não me compreendes por isso não digas nada!
  • Ofendes os sentimentos das otras pessoas e elas ficam zangadas contigo.
  • Eu já sou crescida e faço o que me apetece!!!
  • Nao tenz o direito de dizer isso!!!!
  • Não me chames pita!
  • Pita és tu!
  • Achas mesmo que sou pita? (claro que sim)
  • Não digas mal dos D’ZRT, eles são lindus

No último exemplo podemos reparar na verdadeira falta de cérebro desta espécie. Para proteger a pseudo-banda utilizam todos os argumentos menos a performance musical da banda.
Qual é a única resposta que se pode dar? “Foda-se!”

Palavras/Simbologia Pita

69 – As pitas adoram o numero 69 por expressar rebeldia e liberdade sexual, mas quando falamos sobre sexo com elas, recebemos respostas do tipo “QUE NOJO!!!”;
lol – Todas as pitas usam lol, embora estudos cientificos comprovem que 95% não sabe o seu verdadeiro significado.

No nosso país irmão (Brazil) a palavra “pita” foi transformada para “puta”

Normalmente as pitas costumam juntar-se em grupos, como as matilhas de animais irracionais. Nestes grupos juntam-se normalmente pitas da mesma espécie, e criando matilhas rivais. Estes grupos são normalmente denominados pelas pitas por “AmIgAx 4ever”, mas normalmente duram até se chatearem com algo do hi5 ou com algo sobre o rapaz de que elas gostam durante aquela semana, mesmo sabendo que ele não olha para elas.

As pitas costumam juntar-se em matilhas maiores, e fazem peregrinaçoes, isto é, grandes conjuntos que se movimentam de um lado para outro, quase como uma imigraçao. Estas pergerinaçoes notam-se ao longe quando se observa montes de trios ou pares, uns atras dos outros, sempre no mesmo passeio.
Quando alguem passa por estas peregrinaçoes tem de as contornar pois elas nao se mexem (só para o estilo e para se armar em adultas, autoritarias e donas do seu nariz).
Para ver estas peregrinaçoes basta andarem nas ruas perto dos centros comerciais, por volta do fim da tarde ou entao no principio da noite nos acessos ás festas populares.

Exemplo de um confronto de pitas por causa de um hi5:

Para o próximo post irei diferenciar as pitas por categoria.
Deixem os vossos coments ;D (para deixar coment, cliquem no título do post e depois há um form para deixarem o coment no fundo da pagina[infromação para pitas que não sabem deixar comentários])